AVALIAÇÃO DE IMÓVEIS – PERÍCIA CONCEITO

A Pericia Judicial é exercida por profissionais legalmente habilitados, com registro nos órgãos fiscalizados do exercício de suas profissões, requeridas ainda, reconhecida idoneidade moral, capacidade técnica e experiência profissional. O requisito de reconhecida técnica ou científica inclui o empenho do Perito Judicial e dos Assistentes Técnicos em procurar manter-se permanentemente atualizados, através de programas de capacitação, incluindo a educação continuação ou por outros meios disponíveis.

PERITO JUDICIAL

É o auxiliar da Justiça, pessoa civil, nomeado pelo Juíz ou pelo tribunal, devidamente compromissado, assistindo-os para realizar prova pericial consistente em exame, vistoria ou avaliação, valendo-se de conhecimento especial, técnico ou científico.

ASSISTENTE TÉCNICO

É o perito indicado pelas partes, como assistente para realizar prova pericial ou contra prova em litígios e demandas judiciais.

METODOLOGIA

As avaliações em sua maioria neste tópico destaca-se a metodologia comparativa, consagrada para avaliações imobiliárias, encontrado entre os chamados referenciais/amostras levantados no mercado, uma vez que se identificam em seus perfis e características, tendo como base o mês de corrente; Existem ainda diversos outros métodos aplicáveis, sendo os principais:

  • Ø Método do Custo;
  • Ø Método Comparativo/ de Mercado;
  • Ø Método do Rendimento/ Atualização;

Assim, reunidas às conclusões do perito são lançadas em uma peça chamada laudo pericial ou parecer técnico. O primeiro é elaborado pelo perito do juízo ou perito oficial. O segundo é a peça técnica elaborada pelo perito de confiança das partes. Para elaborar o laudo ou parecer podem os peritos (do juízo e das partes) proceder livremente, ouvir testemunhas, colher dados e informações, juntar pesquisas científicas etc.

Dever do Perito

"Fideliter ad lucem per ardua tamen" - Fidelidade à verdade, custe o que custar.

Max Roli De Cicco, Corretor de Imóveis Master Coaching, Gestor imobiliário, graduado pela universidade Unicesumar, com especializações em Direito Imobiliário, Técnicas Internacionais de Vendas para imóveis de alto Padrão, Perícia em Avaliação de Imobiliária pelo CAAVI, SCIESP e UNICESUMAR, Mediação e Arbitragem pelo Tribunal Arbitral de SP TASP, Gestão e de Locação e Grafoscopia, sendo prático em assinaturas no combate a fraudes, Atua como Perito Judicial desde 2008 é membro do CONPEJ Conselho Nacional dos Peritos Judiciais.